Publicado em: qua, abr , 2017

Mãe que discutiu com médica reconhece que errou e até pediu desculpas


A mãe do garoto que foi em busca de atendimento médico no Hospital Municipal de Jaraguá e que se envolveu em uma discussão com a médica, em entrevista ao JN, disse que terá audiência no dia 12, onde prestará depoimento à polícia sobre o caso que repercutiu em Jaraguá nos últimos dias.

Leonete Cabral disse que qualquer mãe faria o que ela fez para buscar a cura para um filho, aliás, nem todos fazem o que ela fez, ou seja, buscar seus direitos, já que alguns temem esboçar algum tipo de reação e não ser atendido pelo sistema.

Segundo ela, é difícil fazer um julgamento sobre a atual gestão em relação ao caso, até porque isso sempre aconteceu em Jaraguá. Segundo ela, “o povo sempre baixa a cabeça diante dos problemas”.

Questionada se recebeu algum contato da direção do hospital municipal ou mesmo da administração municipal, a mãe do garoto Felipe Cabral disse que não, “acrescentando que não foi um caso envolvendo os filhos deles”.

Leonete Cabral disse que até pediu desculpas para a médica que negou atendimento para seu filho, mas o pedido não foi aceito.

Concluindo, a mãe disse que este será o TCO mais caro de toda sua vida.