Delegacia de polícia de Pirenópolis com novo prédio após interdição

Após a interdição da delegacia de Pirenópolis, no leste de Goiás, por risco de desabamento, a Polícia Civil alugou um novo prédio para sediar a unidade. O local estará apto para receber o público a partir de segunda-feira (25). Enquanto isso, o atendimento é realizado em uma unidade móvel, no estacionamento do fórum.

“Alugamos um novo prédio e estaremos mudando na segunda-feira. Estamos atendendo à sociedade sem prejuízo nenhum. Em relação à reforma do prédio interditado, ainda vamos correr atrás”, explicou o delegado-geral da Polícia Civil, Álvaro Cássio dos Santos.

A sede original da delegacia foi interditada após decisão do juiz Sebastião José da Silva. Segundo o Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO), a decisão exigia que o local fosse desocupado imediatamente por oferecer riscos aos servidores da delegacia. Conforme a liminar, laudos mostram rachaduras e infiltrações na estrutura, danos no forro e indicam possibilidade de desmoronamento.

Ainda conforme o TJ-GO, o documento pede ainda que seja feita uma reforma no prédio e nova revisão geral para garantir que o local está em condições de receber os servidores e população. O magistrado determinou ainda multa diária de R$ 10 mil em caso de descumprimento.

Recepcionista da delegacia há 3 anos, Adelaide Tavares, contou à TV anhanguera que trabalhava com receio. “Não tem condição nenhuma, está tudo estralando, parede afastada, quando chove, a gente tem que ir de sombrinha de um cômodo para outro”, afirmou.

Do G1

Share Button

você pode gostar também Mais do autor