Celulares e facas são apreendidos em intervenção na cadeia de Jaraguá

Uma operação realizada pelo Grupo de Operações Penitenciária (GOPE) na cadeia pública de Jaraguá terminou com dezenas de material cortante e aparelhos celulares recolhidos.

A operação foi realizada pelo GOPE da Regional de Uruaçu, na manhã desta segunda-feira (4), na unidade prisional de Jaraguá.

Não foi informado quantos homens participaram da operação. Segundo nota da SSPAP, foi realizado revistas em todas as alas da cadeia, após o isolamento dos presos no pátio de banho de sol.

Na ação, foi encontrado vários materiais cortantes, como tesouras, facas e ceguetas, além de celulares e drogas.

O material recolhido em poder dos presos foram encaminhados à Delegacia de Polícia Civil da cidade.

Construída na década de 70, a cadeia comporta mais de 180 presos, entre o regime fechado e semiaberto.

Um nova cadeia teve a construção iniciada há pelo menos seis anos atrás, mas que até hoje está paralisada e sem previsão de termino por parte do governo de Goiás.

Share Button

você pode gostar também Mais do autor